Rádio Cenecista de Picuí

terça-feira, 8 de agosto de 2017

'Não é coisa de outro mundo', diz mulher que achou R$600,00 enrolado em fatura

Depois de perceber que o valor era suficiente, ela efetuou o pagamento logo no dia seguinte e ainda guardou o troco para devolver à dona
Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
Silviane (esq) encontrou dinheiro e pagou fatura de Claudineia (dir)
Não acho que é uma coisa de outro mundo, só fiz o que devia ter feito”. A declaração é da telefonista Silviane Cunha, que, na última quinta-feira (3), encontrou R$ 600 enrolados em uma fatura de cartão de crédito em um ônibus de João Pessoa. Depois de perceber que o valor era suficiente, ela efetuou o pagamento logo no dia seguinte e ainda guardou o troco para devolver à dona.


Depois de fazer o pagamento, Silviane publicou a história nas redes sociais, para tentar localizar a dona do dinheiro. A publicação, ao contrário do que ela esperava, ganhou repercussão e, até as 21h desta segunda-feira (7), já teve mais de 9 mil compartilhamentos e 7 mil reações.

“Não esperava tanta repercussão. Mas, pelo que vi nos comentários e compartilhamentos, isso é uma coisa rara. Mas eu só fiz o que era justo. Quando a gente acha o que não é da gente, não vai fazer diferença, mas vai fazer falta a quem perdeu”, explicou.

O caso aconteceu em um ônibus da linha 5100. Silviane pegou o ônibus no Valentina, para ir ao trabalho. Dentro do veículo, ela mudou de lugar, porque estava no sol, e sentou no banco de onde a vendedora Claudineia Santos havia saído há poucos minutos. Lá, ela encontrou o dinheiro.

“Na hora, eu fiquei em choque. Pensei: ‘meu Deus, eu perdi esse valor. Era o dinheiro que eu tinha pra pagar a conta, vai me fazer falta. Eu vou ter que arrumar novamente esse valor’. Quando eu cheguei no trabalho, eu chorei”, lembrou Claudineia.

Por causa da publicação no Facebook, o filho de Claudineia descobriu que a conta havia sido paga. No dia seguinte, Claudineia fez questão de ir à casa de Silviane para agradecer, mas não aceitou receber o troco de volta.

“Teve gente que disse para eu jogar a fatura fora e ficar com o dinheiro. Mas minha consciência estava mandando eu devolver o dinheiro dela. Então paguei, porque não sabia se ia conseguir encontrar a dona”, comentou Silviane.

G1 PB

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

3 comentários:

  1. Ela está de parabéns pelo ato, a publicação sérvio de incentivo para praticarmos boas ações, e de lição de solidariedade. Um dia desses também pratiquei uma boa ação e me senti muito bem,devolve os créditos que uma pessoa colocou no meu celular enganado. Vamos fazer boas ações porque para mudar o mundo temos que começar por nós mesmos.

    ResponderExcluir
  2. E verdade concordo concordo com vc inclusive eu também me sinto bem por saber que num país tão cheio de coisas desmantelada de tanta roubalheira.. Ainda existem muitas pessoas de bem honestas. Parabéns essa senhora. Quero dizer que faria o mesmo faria não, se encontrar alguma coisa assim faço...

    ResponderExcluir
  3. Que atitude de honestidade e fidelidade aos principios morais,coisa rara hoje em dia, parabéns Silviane,são pessoas como você que ainda fazem com que a gente possas acreditar que nosso país ainda tem cura.

    ResponderExcluir