Rádio Cenecista de Picuí

terça-feira, 11 de julho de 2017

Grávida é raptada, agredida e tem olhos e boca colados em Campina Grande

Vítima - que está no 8º mês de gravidez - foi raptada perto de casa por três homens em um carro prata

Uma grávida de 21 anos foi agredida e teve os olhos e boca colados com cola instantânea, em Campina Grande. A vítima deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma da cidade na tarde desta terça-feira (11) e até 17h20 passava por procedimentos cirúrgicos. Segundo a Polícia Militar, ela foi raptada por três homens. A mulher está no 8º mês de gestação. Ainda não há informações sobre o estado de saúde do bebê.


De acordo com a Polícia Militar, a vítima relatou que estava perto de casa, na rua Ângela dos Santos, no bairro Belo Monte, quando três homens que estavam em um carro de cor prata a renderam. A mulher foi levada para um matagal, no mesmo bairro, onde foi agredida com chutes e teve os olhos e boca colados. Não houve relato de violência sexual.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, a vítima não soube informar detalhes sobre o modelo ou placa do carro, nem as características dos suspeitos. A mulher foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital de Trauma.

A Polícia Militar fez buscas, mas até 17h nenhum suspeito foi localizado. “As buscas estão difíceis, pois ela não sabe nenhuma característica do carro, além da cor, nem sobre os suspeitos”, explicou o sargento Cândido, do Centro Integrado de Operações da Polícia Militar.

G1 PB

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”