Rádio Cenecista de Picuí

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Luan Estilizado justifica ausência e contesta Prefeitura

Na nota, assessoria do cantor Luan Estilizado ressaltou que mesmo estando acobertado juridicamente

Em contato com o Portal MaisPB, nesta segunda-feira (26), a assessoria de Luan Estilizado justificou que o contrato assinado com a Prefeitura de Boqueirão foi para o show ter início às 2h.


A ausência do cantor no show, que ocorreria nesse domingo (25), causou revolta nos moradores de Boqueirão.

“Em nenhum momento durante a tramitação burocrática do processo foi informado sobre portaria do ministério publico em Boqueirão”, afirmou a assessoria. A portaria em questão estabelece que shows no município só podem ocorrer até às 2h.

Ainda segundo a assessoria, a limitação de horário só foi informado 48 horas antes do show e, na agenda do artista, em suas redes sociais, consta o horário de 2h para início do show em Boqueirão.

Na nota, assessoria do cantor Luan Estilizado ressaltou que mesmo estando acobertado juridicamente, o cantor ofereceu uma nova data e mais duas atrações sem nem um custo para o Poder Público, no dia 13 de julho.

Confira a nota:

No momento da contratação do Luan Estilizado o horário acordado para apresentação foi as 02:00 da manha ; Em nenhum momento durante a tramitação burocrática do processo foi informado sobre portaria do ministério publico em Boqueirão.

A limitação de horário só nos foi informada 48 horas antes da nossa apresentação, motivo pelo qual tentamos ate instantes antes uma solução para o impasse.

Na agenda do artista, em suas redes sociais, esta de forma CLARA o horário da apresentação em Boqueirão, 02:00h.

Nos mais de 30 shows no mês de junho, em nenhum houve atraso. Prezamos pela excelência aos contratantes e ao nosso publico.

Mesmo estando acobertado juridicamente, a produção do artista ofereceu uma nova data de show e mais duas atrações para o dia 13/07 sem nenhum custo para o poder publico.

Bruno Lira – MaisPB

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

Nenhum comentário:

Postar um comentário