Rádio Cenecista de Picuí

terça-feira, 23 de maio de 2017

Problema em ônibus dos estudantes de Picuí intensifica fogo cruzado entre situação e oposição

Mesmo sete meses depois do pleito que elegeu a nova liderança do Executivo picuiense, os enfrentamentos continuam
Foto: Reprodução/PoliticandoPB
Problema em ônibus acirrou ainda mais o fogo cruzado entre situação e oposição
O prefeito Olivânio Remígio (PT) do município de Picuí, Seridó paraibano, entregou a associação universitária, na segunda-feira (15), um bonito e imponente ônibus para o transporte dos estudantes. O ato simbólico da entrega do veículo foi realizado com direito a muita festa, diante de diversas lideranças políticas que fazem parte do grupo político vencedor nas últimas eleições para prefeito.


Nas redes sociais, os internautas que apoiam a gestão atual, se vangloriaram pela aquisição do coletivo, ano 2007, que foi locado para oferecer conforto aos que enfrentam uma desgastante rotina de enfrentar centenas de quilômetros diariamente.

Acontece que, nessa segunda (22), exatamente uma semana depois da conquista do veículo, os estudantes que retornavam de Campina Grande tiveram que procurar carona para regressar a cidade.

Assim como na aquisição, a notícia repercutiu nas redes sociais, e aqueles que vibraram com a chegada do ‘busão’, ficaram acuados e tiveram que presenciar a algazarra da oposição. (Diferencie: Política x Politicagem).

Os sites que defendem a equipe oposicionista propalaram ironicamente o problema que deixou os jovens estacionados na rodovia. Grupos de WhatsApp registraram ‘brincadeiras’, pilherias e até mesmo discussões com palavras de baixo calão. O foco que seria o bem-estar dos estudantes, passou a ser o ônibus.

Mesmo sete meses depois do pleito que elegeu a nova liderança do Executivo picuiense, os enfrentamentos continuam. O que deixa transparecer que, o que acontecer de errado ao governo atual, será bem-vindo aos simpatizantes opositores e vice versa.

Blog NP

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

Nenhum comentário:

Postar um comentário