Rádio Cenecista de Picuí

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Jovem é preso após manter relações sexuais com namorada de 12 anos de idade

A pena prevista para o crime de estupro de vulnerável é de 08 a 15 anos de reclusão

Na manhã dessa quarta-feira, 24, foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Patos, um estupro de vulnerável. O delegado que recebeu a denúncia, Demetrius Patrícios, informou que a conjunção carnal ocorreu entre 23h e 01h da madrugada de quarta, contra uma adolescente de 12 anos de idade.


Demetrius Patrícios disse ainda que o acusado de 18 anos mantinha um relacionamento amoroso com a adolescente desde novembro do ano passado e o casal, de comum acordo, resolveu manter a primeira relação carnal. “A relação foi consentida pela vontade da menor de 12 anos, mas, como nós sabemos, o estupro de vulnerável independe do consentimento da vítima”, explicou o delegado.

De acordo com informações da Polícia Civil, o acusado tinha conhecimento que a jovem é de menor e que ela era virgem tendo consumado o ato na residência do rapaz.

A mãe da adolescente disse que havia deixado o casal na calçada da casa e de repente os dois despareceram indo até a casa dele. A mulher acionou a polícia militar que foi em diligência à casa do jovem onde os localizou.
“Ele confessou que manteve relação sexual com ela e que a partir de então ela seria mulher dele. Só que isso não depende do consentimento da adolescente de 12 anos de idade e o crime ficou configurado”, explicou Demetrius Patrícios.

A menina foi submetida a exame sexológico nesta manhã, mas, de acordo com Demetrius, independente do resultado, a menina confessou o ato sexual, bem como o rapaz também o fez mediante a presença das autoridades policiais e do Conselho Tutelar. Foi instaurado o inquérito e o caso será encaminhado à justiça para as medidas necessárias.

A pena prevista para o crime de estupro de vulnerável é de 08 a 15 anos de reclusão. Em entrevista ao repórter Airton Alves, o rapaz de 18 anos disse foi para a casa da irmã com a adolescente e confirmou que o ato foi com o acordo da namorada.

Patos Verdade

Para postar um comentário:

“É livre a manifestação de opiniões, sendo vedado o anonimato”

Nenhum comentário:

Postar um comentário