Rádio Cenecista de Picuí

quarta-feira, 25 de abril de 2012

PEDRA LAVARADA PB: Num protesto contra falta d'água na cidade, populares fecham Rodovia 177.

No inicio da tarde desta quarta feira dia 25, a comunidade Lavradense revoltada com as constantes falta d’água na cidade, resolveu chamar a atenção das autoridades competentes do estado realizando um protesto popular, fechando a rodovia 177, no trecho entre Pedra Lavrada a Soledade.
A comunidade cansada de ouvir apenas promessas fechou a rodovia com pneus, pedras e paus. No momento estão liberando apenas a passagem de ambulâncias e viaturas policiais.

Segundo alguns populares envolvidos no protesto, em alguns pontos da cidade não chega água há aproximadamente quinze dias. Os problemas são constantes e eles não vêem a cagepa tomar nenhuma providencia para resolver definitivamente essa situação, apenas ações paliativas são feitas, mas não resolve o problema. Os lideres do movimento aguardam por um representante da empresa ou uma liderança política do município ligada ao governo do estado para que se possa ter uma conversa séria a respeito do assunto. Até a postagem desta matéria, por volta das 15:58, o protesto continuava com o trânsito interrompido.
Clickpicui

segunda-feira, 23 de abril de 2012

SINPUC: Nova diretoria é empossada em NOVA PALMEIRA.

Eleita no dia 19 para um mandato de três anos, a nova diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Curimataú (SINPUC) foi empossada neste domingo (22).

Durante os discursos, os novos dirigentes relembraram a trajetória do sindicato e o trabalho da sindicalista Cícera Batista.

Tião Santos, reeleito presidente, afirmou que o SINPUC precisa avançar todos os dias na luta pelos direitos dos trabalhadores e que a formação de novas lideranças para assumir as ações do sindicato é de fundamental importância para a instituição.

Edilândia Lobo, secretária de comunicação, disse que o SINPUC cresceu nos últimos três anos e passou atuar em municípios como Frei Martinho, Olivedos e Damião.

Celiana Araújo destacou a ação do SINPUC desde 1996 e enfatizou a formação dos novos quadros que vem sendo realizada, nos últimos cinco anos, pela Secretaria de Formação da Central Única dos Trabalhadores (CUT).

A diretoria do SINPUC é composta por 9 membros titulares e 9 suplentes. A nova diretoria foi eleita pelo voto de 68,4% dos servidores.

Sebastião José dos Santos – Presidente

Maria Eliete de Araújo - Vice-presidente

Cícera Isabel Batista de Melo - Secretária-geral

Maria Elisabete dos Santos Dantas - Secretária de finanças

Josenilson Macedo de Araújo - Secretário de formação

Vera Rita Almeida de Macedo - Secretária de organização

Edilândia Ferreira de Lima - Secretária de comunicação

Aity Ysmênia de Lima Medeiros - Secretária da mulher

Maria Risoneide Queiroz Santos - Secretária de juventude

Antônia Maria do Nascimento Marques - Conselho fiscal

Maria José de Oliveira - Conselho fiscal

Maria Pereira dos Santos Macedo - Conselho fiscal

Suplentes de secretarias
Roselita Silveira da Silva Santos
Celiana da Costa Araújo
Natanael Gomes de Oliveira

Suplentes do Conselho Fiscal
Maria da Conceição Bezerra
Eliete Queirós dos Santos
Maria Cely dos Santos


Ascom/ Sinpuc

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Ministro das Cidades anuncia municípios beneficiados no Programa Minha Casa Minha Vida na PB.


O ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro (PP - Foto), anunciou na tarde desta quinta-feira (18) a relação das cidades paraibanas que serão beneficiados com unidades habitacionais no Programa Minha Casa Minha Vida, na modalidade especial que beneficia municípios de até 50 mil habitantes.

Do total de 2.582 municípios do país contemplados no programa, 190 são da Paraíba. Ao todo, serão construídas 7.425 unidades habitacionais no Estado, com investimentos de R$ 198,5 milhões do Governo Federal.

 Em nossa região veja as cidades contempladas:

Barra de Santa Rosa - 40
Baraúna - 40
Cuité - 40 
Damião - 40
Frei Martinho - 40 
Nova Floresta 40
Nova Palmeira 40 
Pedra Lavrada 40
Picuí 40 
Seridó 40
Sossego - 40 
Soledade - 40

Seminário Cidades em Cidades
 
O Ministério das Cidades promove nesta sexta-feira (20), em João Pessoa (PB), o primeiro seminário Cidades em Cidades – Integração para o Desenvolvimento.

O evento tem como objetivo informar prefeitos e gestores públicos da Paraíba sobre os programas do ministério nas áreas de saneamento, mobilidade urbana, habitação, programas urbanos e acessibilidade, além do programa Minha Casa Minha Vida.

Portal Correio

Evento reúne Secretários Municipais da Região.


Está acontecendo, no auditório da Câmara Municipal de Picuí, um encontro de Secretários Municipais de Saúde de toda região do Curimataú e Seridó Paraibano.

O evento tem o objetivo de promover a primeira oficina para construção do COAP = Contrato Organizativo da Ação Publica de Saúde e a revisão da PPI = Programação Pactuada Integrada com os municípios da quarta regional que compreende os municípios de: Picuí, Cuité, Baraúna, Sossego, Pedra Lavrada, Nova Palmeira, Barra de Santa Rosa, Nova Floresta, Frei Martinho, São Vicente do Seridó, Cubati, Damião.

Além disso, esse encontro servirá para fortalecer a região de saúde melhorando o a rede de ações e serviços aos usuários do Sistema Único de Saúde. “Picuí é a primeira oficina voltado para este tema em toda Paraíba, outras reuniões acontecerão, e isso nos ajudará a melhorar o atendimento para os nossos usuários e estar nos modernizando para os desafios diários”, enfatizou a Secretária de Saúde de Picuí, Lúcia Xavier.

O evento ainda contou com a presença do Secretário de Saúde do Estado, Waldsom Sousa e segue durante o dia de hoje.

Jandy Macedo

quarta-feira, 18 de abril de 2012

NOVA PALMEIRA E CUITÉ: Prefeituras têm recursos bloqueados. Confira a relação.


A Secretaria do Tesouro Nacional bloqueou o Fundo de Participação dos Municípios de 27 prefeituras da Paraíba. O motivo da suspensão do repasse é a dívida das gestões com Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). Como está em fase de negociação, o Tesouro não revelou o débito de cada cidade. O programa foi criado pela Lei Complementar Federal 8, de 03/12/70 e tem o objetivo de propiciar aos funcionários e servidores públicos civis e militares participação na receita dos órgãos e entidades integrantes da administração pública direta e indireta, nos âmbitos federal, estadual e municipal e das fundações.

O Pasep para o setor público é calculado em 1% com base nas receitas mensais, se o município através da Prefeitura recolhe o valor do Pasep. Em nota, o presidente da Famup (Federação das Associações dos Municípios da Paraíba, prefeito Buba Germano, alertou os gestores para verificar a situação financeira da prefeitura e “assim possam quitar suas pendências para poder receber o valor correspondente ao seu município”. Alguns dirigentes já procuraram o Governo Federal, a fim de pagar os débitos.

SEM REPASSE

Os municípios que tiveram o FPM bloqueado são Araçagi, Assunção, Cabaceiras, Casserengue, Condado, Cruz do Espírito Santo, Cuité, Cuité de Mamanguape, Curral de Cima, Fagundes, Gurinhém, Juarez Távora, Juripiranga, Livramento, Malta, Nova Palmeira, Olho D'Água, Pedras de Fogo, Piancó, Pilões, Piloezinhos, Pirpirituba, Pocinhos, Santa Rita, Santo André, São Bento e Solânea.

Jornal da Paraíba

terça-feira, 17 de abril de 2012

ELEIÇÕES 2012: Presidente do PT estadual lança candidatura própria em NOVA PALMEIRA.

Na tarde do último domingo o Partido dos Trabalhadores - PT de Nova Palmeira recebeu a visita do Presidente estadual do PT da Paraíba, o Ex- deputado Rodrigo Soares, onde na oportunidade foram discutidas as eleições de 2012 e os nomes para disputarem esse pleito. Ao analisar o processo eleitoral que está por vir, foi visto a necessidade de discutirmos uma candidatura à altura do município, um a candidatura que dialogue com as bases, que esteja preocupada de fato com a melhoria das condições de vida dos Palmeirenses e que possa construir um projeto mediante a necessidade de seu povo. E o nome do pré-candidato escolhido por todos foi do então presidente Professor Janiel César que foi ratificado pelo Presidente Rodrigo Soares.   

Fonte: Partido dos Trabalhadores - PT - Nova Palmeira - PB

NOTA DE FALECIMENTO

Faleceu hj(17/04) à noite, a popular Maria Taveira, mais conhecida como "Madinha". Dias atrás ela sofreu uma queda em que deixou muito machucada, e depois do acontecido sua saúde só veio piorar, vindo a falecer. Muito conhecida e querida na cidade, "Madinha" vai deixar saudades ao povo de Nova Palmeira.

domingo, 15 de abril de 2012

Curimataú e Seridó PB, Municípios beneficiados com Programa Minha Casa minha Vida.

Após mais de 120 dias de atraso e três adiamentos, o Ministério das Cidades divulgou, nesta quinta-feira, 12 de abril, a lista dos Municípios contemplados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Esta gama de recursos foi destinada especialmente para cidades com menos de 50 mil habitantes. Ao todo 2.582 Municípios receberão apoio financeiro para construção de 107.348 moradias, no valor de R$ 25 mil cada, sendo 50 unidades por Município.

O critério de seleção foi o nível de pobreza dos Municípios, ou seja, onde há mais famílias carentes. Pois, o governo federal usou os recursos para atender metas de outro programa, o Brasil sem Miséria. O investimento para a construção das casas é de R$ 2,8 bilhões. Mas, há também contrapartida dos Municípios, como a aquisição dos terrenos, por exemplo.
Segundo o governo, 1.163 entes municipais foram selecionados pela primeira vez no MCMV. Outros 1.419 foram escolhidos também em etapas anteriores. O número de inscritos para serem contemplados nesta etapa chegou a 4.042 Municípios. Eles pediam a construção de 426.146 unidades habitacionais, em 8.939 propostas enviadas ao Ministério.
 
Reivindicação 
Um dia antes desse anúncio, na manhã desta quarta-feira, 11 de abril, a Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados organizou uma audiência pública para cobrar esclarecimentos do Ministério das Cidades sobre esse atraso na divulgação. A representante do governo, Maria Avesani, afirmou que a mudança de critérios na escolha, antes feita a nível regional, foi o que ocasionou o problema. Esta lista foi feita com base em dados nacionais. 

Confira:
 
Baraúna - 250153 006330.01.02/2011-59 - Prefeitura - 40

Barra de S. Rosa - 250160 009033.01.03/2011-09 - Prefeitura 40

Cubati - 250500 001657.01.02/2011-80 - Governo Estadual – 40

Cuité - 250510 005591.01.02/2011-61 - Prefeitura – 40

Damião - 250535 007589.01.02/2011-07 - Governo Estadual - 40

Frei Martinho - 250620 007308.01.03/2011-52- Prefeitura – 40

Nova Floresta - 251010 007045.01.03/2011-54- Prefeitura – 40

Nova Palmeira - 251030 008748.01.03/2011-08 - Prefeitura – 40

Pedra Lavrada - 251110 004133.01.02/2011-31- Prefeitura - 40

Picuí - 251140 006552.01.02/2011-53 - Prefeitura – 40

Seridó - 251540 009320.01.03/2011-47- Prefeitura – 40

Sossego - 251615 007901.01.02/2011-91- Governo Estadual - 40
Clickpicui Agência CNM

Primeira parcela do Pnate foi liberada, a CNM estima que a União deve apoiar com 12% a 17%.


A primeira parcela do recurso do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) foi liberada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) dia 3, de abril. O valor anual do Fundo referente ao ano de 2012 é de R$ 644 milhões, e a Confederação Nacional de Municípios (CNM) estima que a União participará do financiamento do transporte escolar com um percentual que varia entre 12% a 17% do valor gasto pelos Municípios com a atividade.

Pelas regras do programa, o repasse deve ser feito em nove parcelas, entre março e novembro. A verba pode ser aplicada no custeio de despesas como: reformas, seguros, licenciamento, impostos e taxas, pneus, serviços de mecânica, elétrica e funilaria, recuperação de assentos, combustível e lubrificante dos veículos ou das embarcações utilizadas para o transporte. Também pode ser utilizada no pagamento de serviços contratados junto a terceiros para o transporte escolar.

De acordo com estudo da CNM, o custo do transporte aluno/ano em 2012 seria em torno de R$ 987,33. O calculo é feito com base no custo aluno do Rio Grande do Sul mensurado por levantado pela CNM em 2005 e atualizado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Pelos dados da entidade, como o valor per capita do aluno/ano transportado – definido no programa federal – varia entre R$ 120,73 e R$ 172, 24, o apoio federal da União representa entre 12% a 17% do valor gasto pelos Municípios na oferta do transporte escolar.
 
Desafio
 
O transporte dos alunos é um dos maiores desafios dos Municípios brasileiros, por isso a entidade tem se manifestado e reivindicado melhoria da qualidade do programa federal para apoio a esta política. Uma das ações da Confederação foi enviar ofício ao FNDE em busca de informações sobre o andamento da pesquisa custo do valor do transporte escolar. 

De acordo com o órgão, o levantamento está em andamento desde o final de 2011. A Confederação avalia que a pesquisa contribuirá na negociação dos valores dos convênios entre Estados e Municípios para o transporte dos estudantes das redes estaduais feito pelos Municípios. Por este motivo, a representante dos Municípios aguarda retorno.


Financiamento 
 
Outra questão que a CNM acompanha de perto é a participação da União no financiamento do transporte escolar. Para a CNM, embora o Pnate seja de caráter suplementar, há necessidade de um marco legal para sua atualização, pois mais uma vez o valor permanece congelado desde 2010 e não há previsão de alteração no valor per capita para este ano. CONFIRA ABAIXO: 


Município
Recursos do Pnate 2012
BARAUNA
37.860,08
BARRA DE SANTA ROSA
167.195,35
CUITE
131.269,08
CUBATI
131.269,08
DAMIAO
22.635,92
FREI MARTINHO
14.256,41
NOVA FLORESTA
15.420,32
NOVA PALMEIRA
35.041,46
OLIVEDOS
30.537,25
PEDRA LAVRADA
91.888,35
PICUI
120.905,73
SERIDO
41.867,81
SOSSEGO
25.148,39
SOLEDADE
55.527,05

Clickpicui com Agência CNM

sexta-feira, 13 de abril de 2012

NOVA PALMEIRA : Beneficiado com Perfuração de Poços.

Vinte e quatro poços foram perfurados pela Companhia de Desenvolvimento de Recursos Minerais da Paraíba (CDRM), no último mês de março. Com autorização do Governo do Estado e de prefeituras municipais, comunidades carentes de recursos hídricos estão sendo assistidos pela ação.
Imagem Ilustrativa
 
Trabalhando na área de hidrogeologia, com perfuração e restauração de poços, a CDRM esteve, no mês passado, nas cidades de Campina Grande, Bananeiras, Nova Palmeira, Boa Vista, Pocinhos, Nazarezinho, Queimadas e Caraúbas. Para este mês, estão previstas a perfuração de mais 17 poços, nas cidades de Sumé, São Sebastião do Umbuzeiro, Barra de Santa Rosa e Belém.
 
A companhia, que é um órgão ligado à Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico (Setde), promove a política do crescimento da área de hidrogeologia. Além do repasse do Governo Estadual, a empresa tem convênios com o Governo Federal e com instituições estaduais, como também com a iniciativa privada.
 
Secom

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Picui e São Vicente decide Copa da Juventude.

Neste domingo 08, aconteceu mais uma rodada pela copa da juventude das regiões do Curimatau e seridó paraibano, a equipe de São Vicente venceu Nova Palmeira por 2 x 1 e está na final da copa da juventude. A final será entre Picuí x São Vicente em data a ser definida pela coordenação.
 










Pela copa da caatinga nas preliminares, se enfrentaram pelas quartas de finais Palmeiras e Internacional de Lamarão. A partida terminou 1 x 1 e nas penalidades o Palmeiras venceu por 4 x 2  e ficou com a vaga nas semi finais.
Ainda pelas semi finais da copa da Caatinga, na principal acontece no proximo domingo 15, a partida entre o Flamengo do Mendes e Olaria do Limeira, já no dia 22 proximo, será o encontro das equipes do Cruzeiro da Quixaba e Internacional do Lamarão. A Final ainda esta sendo marcada a data pela equipe organizadora.
 
Portaldocurimatau com Dep. Jorn. da Sisal FM.

terça-feira, 3 de abril de 2012

SÓCIOS DO SINPUC TERÃO DESCONTO EM SERVIÇO DE INTERNET

A partir deste mês, os servidores da base do SINPUC terão descontos em suas mensalidades de internet. O acordo realizado entre a diretoria-executiva do sindicato e a empresa NPL Conectividade, com sede em Nova Palmeira, garante abatimentos nas mensalidades dos planos de 600 e 400 Kilobytes.

Além da sede, a NPL Conectividade tem atuação nos municípios de Pedra Lavrada, Olivedos, São Vicente, Picuí, Sossego, Baraúna, Cubati e Frei Martinho.

O plano de 400 kB custa R$ 39,90 e, o de 600 kB,  R$ 54,90. Para os sócios do SINPUC as mensalidades ficarão por R$ 35,00 e R$ 50,00, respectivamente. O plano básico não tem desconto.
 
Parcerias
A iniciativa é parte de uma estratégia do SINPUC para obter descontos para seus filiados no comércio das cidades que integram a sua base sindical.  Empresas fornecedoras de produtos e serviços estão na mira dos dirigentes sindicais e, as ações para buscar parcerias, estão acontecendo também na cidade de Campina Grande.

A proposta é diluir a mensalidade dos sócios nas vantagens que eles poderão ter no comércio. “Em breve o servidor ligado ao SINPUC terá possibilidades de descontos superiores à contribuição sindical que é deduzida em seu contracheque”, explicou Tião Santos.

A NPL Conectividade é a primeira empresa a fechar o acordo com o SINPUC. Para ter o desconto, o sócio só precisa pagar em dia a mensalidade e dizer que é filiado ao sindicato. Os representantes da empresa tem uma lista com os nomes dos servidores.
 http://foge1.blogspot.com.br/

NOVA PALMEIRA: Projeto de lei que regulamenta aumento salarial de servidores é aprovado.



A Câmara Municipal de Nova Palmeira aprovou, na última quarta-feira (28), projeto de lei do Poder Executivo que eleva os salários dos profissionais do magistério do município.

O aumento salarial foi fruto de uma discussão entre o SINPUC, a categoria e a Prefeitura. Os dirigentes do sindicato participaram ativamente do processo de elaboração da tabela de pagamentos e os gestores de Nova Palmeira estabeleceram e honraram o diálogo com os sindicalistas.

Os vereadores do município entenderam a importância da reivindicação e aprovaram as novas regras nos vencimentos dos professores. As negociações para a melhoria dos salários vinham sendo debatidas com a administração desde dezembro de 2011.

Servidores que recebem acima do mínimo

Na mesma sessão, os parlamentares ainda aprovaram um reajuste para os trabalhadores que recebem vencimentos acima do salário mínimo. Não havia mudanças para essa categoria há quatro anos.

A medida também foi fruto de um entendimento com a Prefeitura e culminou com a compreensão da Câmara de Nova Palmeira. “O SINPUC está na base destas vitórias”, comemora o presidente Tião Santos. “Em negociação com o prefeito Jose Petronilo, o sindicato conseguiu avançar nessa luta, beneficiando as demais categorias”, completou.

O sindicato entende que os prefeitos têm muita dificuldade em melhorar os salários dos servidores que não estão na política de reajuste do governo federal, alegando falta de recursos. Para Tião Santos “o problema não é a falta de recursos e, sim, o desequilíbrio nos cofres públicos causados pelo inchaço na folha de pagamento”.

Dados do FNDE sobre as verbas da educação em Nova Palmeira

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) prevê uma receita de R$ 1.583.797,57 em 2012 para Nova Palmeira. A estimativa é feita a partir do valor aluno/ano efetivamente garantido em 2011.

No ano de referência, o município teve 707 matrículas registradas pelo Ministério da Educação (MEC). O valor mínimo por aluno do ensino fundamental, matriculado nas séries iniciais da zona urbana, foi de R$ 2.096,68. Já o valor máximo nas séries finais ficou em R$ 2.306,35.

A previsão de receita dada pelo FNDE toma por base os dois parâmetros citados. Os dados alimentam uma equação matemática que permite estabelecer a projeção dos recursos considerando-se o conceito de “valor aluno/ano”.

Tião Santos afirma que “não é mais cabível os prefeitos dizerem que não há receita para programar a valorização salarial dos profissionais do magistério. O governo, quando publica a portaria de reajuste do percentual em nível nacional, automaticamente injeta recursos na receita dos municípios”, e completa: “Apesar de eles dizerem que não há receita, nenhum prefeito recorreu ao governo federal para pedir complementação, como determina a Lei do Piso”.

Ascom/Sinpuc